sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Ho, ho, ho, 2010 é um presente para todos

Do Rio de Janeiro.

É Natal! Celebremos junto aqueles que queremos bem. O dom da vida, por sí só, é motivo mais do que suficiente para comemorarmos.

A pior crise econômica mundial deste século começa, lentamente, a ficar para trás. O pico da confusão econômica aconteceu no final de 2008 e como 2010 se avizinha, parece que foi há um tempão!

O Papai Noel trouxe para a NKL2 a oportunidade de se viablizar como empresa de consultoria e corretagem de seguros. Projetos novos surgiram nesse apagar das luzes de 2009 e oportunidades que não apareceriam nem na bola de cristal dos melhores magos, começam a se materializar. Estou feliz! Obrigado meu "bom velinho"!

Estou contente por persistir nas opções que fiz e pelo apoio da família e dos amigos que tem atenuado a dificuldade e fornecido força para seguir em frente.

Tudo de bom para vocês que têm prestigiado esse espaço com sua leitura. Que o novo ano seja um recomeço de uma trajetória feliz para todos nós.

Forte abraço,
Eder.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Economia Comportamental e os Planos de Previdência Complementar

De São Paulo, SP  (republicado)

Você já começou uma dieta na segunda-feira de manhã e jogou tudo pro alto quando viu sua sobremesa favorita no jantar? Já foi pegar seu filho no shopping e se viu comprando um monte de coisas que não precisava? Sabe porque você desconfia de um xampu muito barato na farmácia e acaba levando outro super parecido só que muito mais caro oferecido pelo seu renomado cabeleireiro? Você aderiu ao plano de contribuição definida da sua empresa, seguindo sua consciência da necessidade de poupar para a aposentadoria, mas nunca se preocupou em saber se deveria aumentar suas contribuições, nem mudou seu saldo de conta para outra alternativa de fundo de investimento mais rentável, dentre as oferecidas pelo plano? 

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Quantidade de furacões no Atlântico acima da média em 2010

De Fort Collins, Colorado – EUA.
O Centro de Meteorologia Tropical da Universidade do Estado de Colorado – EUA, divulgou na quarta-feira que espera atividade acima da média na temporada de furacões do Atlântico em 2010. A temporada de 2009 foi a mais calma dos últimos 12 anos. 
São previstos para o período de agosto a outubro do ano que vem, entre 11 e 16 tempestades tropicais (em 2009 foram apenas 9), de 6 a 8 furacões de intensidade média (contra 3 em 2009) e 3 a 5 furacões de grande intensidade (nenhum em 2009). Os dados coletados até novembro passado indicam que 2010 será um ano de grande atividade, mas ainda não são suficientes para se prever o nível dessa intensidade. 
Tristeza de uns alegria de outros. O fenômeno “El Niño”, que esse ano foi de moderado a forte, deve perder força até a temporada de furacões de 2010. Quando o “El Niño” é forte, a temporada de furacões no Atlântico é fraca, mas as chuvas aqui no Brasil são fortes. E vice-versa. Portanto, no ano que vem, as chuvas por aqui deverão ser menos intensas.
Com tanto tempo de antecedência é impossível fazer previsões muito precisas. Portanto, os meteorologistas da Universidade do Estado do Colorado divulgarão novas previsões no início de abril de 2010, quando a maior quantidade de dados permitirá ajustar as previsões atuais.
Percebem como os estudos estatísticos ajudam o setor de seguros a se preparar? Precisamos produzir mais estatísticas aqui no Brasil.  

Forte abraço,
Eder.


Fonte: BI – Mark Hofmann

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Planos de previdência complementar e mídias sociais podem se dar bem um com o outro

De São Paulo, SP.


Há dois anos quando Ann Bender sugeriu que sua empresa usasse o site de mídia social, desenvolvido internamente, para divulgação do plano de previdência corporativo, olharam para ela com ar de “o que você está falando?”.

A Srta. Bender, então com 26 anos, estava discutindo com seus colegas de RH uma forma de aumentar o baixo índice de adesão ao plano de aposentadoria da rede de lojas de varejo, principalmente dos funcionários com baixa renda.

Mais da metade da força de trabalho da empresa contava com idade inferior a 24 anos. Os empregados simplesmente tinham outras prioridades e de nada adiantou aumentar a contrapartida de contribuições da empresa nem dar direito a portabilidade dos recursos desde o primeiro dia de participação no plano. O índice de adesão não ultrapassava os 18% e o assunto “aposentadoria” continuava uma chatice para a maioria dos empregados.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Projeto de lei nos EUA torna obrigatória a projeção do benefício

De Washington, EUA.


De acordo com um projeto de lei enviado ao senado americano na semana passada, as patrocinadoras de planos de previdência complementar do tipo contribuição definida – semelhantes ao PGBL brasileiros – passam a ser obrigadas a informar aos participantes, tendo por base os saldos de conta atuais, o quanto deverão receber de renda de aposentadoria de seus planos de previdência complementar. 
O projeto de lei, entitulado “The Lifetime Income Disclosure Act” (algo como Lei de Divulgação da Renda de Aposentadoria), cujo objetivo é assegurar que a poupança de aposentadoria dos americanos dure enquanto eles viverem, foi apresentado pelos Senadores Jeff Bingaman – Democrata, Johnny Isakson – Republicano e Herb Kohl - Democrata.
A regulamentação faz frente ao receio de que os americanos não estejam poupando o suficiente para suas aposentadorias. Os legisladores disserem ter se inspirado em uma lei que obriga a Previdência Social (Social Security) a fornecer anualmente aos trabalhadores segurados um extrato informando o valor do benefício de aposentadoria oficial que deverão receber a partir do salário atual.
Eu tive a oportunidade de abordar esse assunto com várias empresas patrocinadoras de planos de previdência complementar aqui no Brasil. Minha sugestão era simples: porque não entregar anualmente aos participantes uma simples projeção dos benefícios de aposenatdoria que os mesmos receberão do plano? Saber antecipadamente uma estimativa do valor da renda de aposentadoria, ajudaria àqueles que desejassem poupar um pouco mais, dando-lhes a chance de creditar contribuições adicionais, enquanto houvesse tempo para isso.
Não consegui convencer as empresas a fazê-lo, porque temerosas de uma justiça trabalhista enviesada e tendenciosa, preferiam não correr o risco de verem uma projeção meramente estimativa se transformar em direito líquido e certo dos participantes.
Quem sabe a PREVIC (que é a nossa SPC, amanhã) e a SUSEP, não seguem essa boa prática e tornam obrigatória tal divulgação, também aqui no Brasil?
Fica a sugestão.
Forte abraço,
Eder.

Fonte: Doug Halonen – Pensions & Investments

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Dizer obrigado atrai saúde e felicidade



São Paulo, SP.

Estamos em dezembro, o mês em que boa parte da humanidade se confrateniza ao celebrar o Natal e as festas de fim-de-ano. É quando desejamos uns aos outros muita felicidade, realizações e acima de tudo, agradecemos. 
Os pesquisadores estão descobrindo que se adotássemos uma atitude mais positiva, apreciando a vida ao longo do ano - não apenas no Natal e no ano-novo - seríamos mais felizes, saudáveis e mais altruístas.
Os cientistas, recentemente, começaram a tentar medir os benefícios da gratidão através de estudos custeados pela "National Science Foundation", uma instituição americana que incentiva pesquisas.
Em um dos estudos desenvolvidos na "Northeastern University", os cientistas descobriram que os estudantes que recebiam ajuda de um assistente de laboratório e sentiam-se agradecidos por isso, aumentavam tanto seu bem-estar físico quanto psicológico. Os estudantes também tendiam a ficar mais generosos.
"Na essência, a gratidão torna as decisões financeiras mais virtuosas", concluiu o Psicólogo David DeSteno, pesquisador chefe. "Faz você pagar antecipadamente".
Brenda Shoshanna, autora do livro "365 Ways to Give Thanks: One for Every Day of the Year" (365 Maneiras de dizer obrigado: Uma para cada dia do ano), teoriza ser impossível ficar deprimido e grato ao mesmo tempo. Em seu livro ela defende que uma atitude de gratidão torna a pessoa fisica e mentalmente saudavel em todos os sentidos.
Esse ano, em decorrência da carga negativa da crise econômica global e dos escândalos políticos intermináveis, tem sido um pouco mais dificil para muitos de nós expressarmos o quanto apreciamos a vida. Isso tudo apenas torna mais importante que o façamos. Quem sabe a gratidão nos coloque acima disso tudo e deixe essa situação para trás?
Eu, pelo menos, sou grato por ter saúde, uma família que amo, amigos fiéis que adoro e por viver junto a natureza em um lugar maravilhoso, num país pacífico como o Brasil.
Talvez eu ainda escreva alguns "posts" para o blog antes que 2009 acabe, mas vocês podem decidir antecipar a celebração de fim-de-ano e tirar uma folga a partir dessa semana. 
Então, desejo que todos vocês tenham um feliz Natal, repleto de saúde, paz e alegrias, e um próspero ano-novo. Que venha 2010!
Abraço,
Eder.


Fonte: BI - Joanne Wojcik
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cuidados na Portabilidade

Hora no Mundo?

--------------------------------------------------------------------------

Direitos autorais das informações deste blog

Licença Creative Commons
A obra Blog do Eder de Eder Carvalhaes da Costa e Silva foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em nkl2.blogspot.com.
Podem estar disponíveis permissões adicionais ao âmbito desta licença em http://nkl2.blogspot.com/.

Autorizações

As informações publicadas nesse blog estão acessíveis a qualquer usuário, mas não podem ser copiadas, baixadas ou reutilizadas para uso comercial. O uso, reprodução, modificação, distribuição, transmissão, exibição ou mera referência às informações aqui apresentadas para uso não-comercial, porém, sem a devida remissão à fonte e ao autor são proibidos e sujeitas as penalidades legais cabíveis. Autorizações para distribuição dessas informações poderão ser obtidas através de mensagem enviada para "eder@nkl2.com.br".



Código de Conduta

Com relação aos artigos (posts) do blog:
1. O espaço do blog é um espaço aberto a diálogos honestos
2. Artigos poderão ser corrigidos e a correção será marcada de maneira explícita
3. Não se discutirão finanças empresariais, segredos industriais, condições contratuais com parceiros, clientes ou fornecedores
4. Toda informação proveniente de terceiros será fornecida sem infração de direitos autorais e citando as fontes
5. Artigos e respostas deverão ser escritos de maneira respeitosa e cordial

Com relação aos comentários:
1. Comentários serão revisados depois de publicados - moderação a posteriori - no mais curto prazo possível
2. Conflitos de interese devem ser explicitados
3. Comentários devem ser escritos de maneira respeitosa e cordial. Não serão aceitos comentários que sejam spam, não apropriados ao contexto da dicussão, difamatórios, obscenos ou com qualquer violação dos termos de uso do blog
4. Críticas construtivas são bem vindas.




KISSMETRICS

 
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.