quarta-feira, 28 de abril de 2010

Shakespeare e os valores que forjam homens e líderes de verdade

De São Paulo, SP.

Quem não teve a chance de estudar em uma escola militar nem serviu ao exército, fico contente de ter tido esse privilégio, deveria ler Henrique V, uma peça que se acredita ter sido escrita por volta de 1599 por William Shakespeare.

Baseada na vida do Rei Henrique V da Inglaterra, a peça aborda os eventos imediatamente antes e após a Batalha de Azincourt (Agincourt em inglês), ocorrida durante a Guerra dos Cem Anos.

A história faz parte de uma tetralogia, precedida por Richard II, Henrique IV – Parte 1 e Henrique IV – Parte II e conta como Henrique V liderou seu exército França adentro, em 1415, vencendo uma força muito maior do que a sua.

Quando escreveu sua história, Shakespeare não usou as palavras liderança, comprometimento ou valores, mas mesmo assim pode-se aprender bastante sobre esses temas através de seu drama.

A boa notícia é que os resultados alcançados por Henrique V – que não contava com uma equipe de relações públicas, sistemas modernos de propaganda & marketing nem enormes montantes de capital a disposição – podem ser replicados nos dias de hoje.

O que é preciso? Coragem e consistência.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Ministério do Trabalho e Departamento do Tesouro dos EUA enviam solicitação de informação aos planos de contribuição definida sobre o uso de renda vitalícia

De Washington, EUA.

Os dois órgãos estão trabalhando na revisão da lei de 1974 que regula os planos de previdência complementar, conhecida por ERISA - Employee Retirement Income Security Act, equivalente no Brasil à Lei 109 de 2001.

Essa revisão também envolverá as regras da receita federal americana que tornam determinado plano elegível a incentivos fiscais.

A solicitação de informação foi publicada no diário oficial dos gringos, chamado de Federal Register, no dia 2 de fevereiro.

O governo quer saber, especificamente, quais são as vantagens e desvantagens do pagamento de benefícios de aposentadoria na forma de renda continuada. Querem entender porque os empregados que se aposentam, quando confrontados com a opção de uma renda vitalícia ou um pagamento único, escolhem esse último.

terça-feira, 6 de abril de 2010

A orientação sobre planos de previdência dada pelos profissionais das seguradoras é de baixo padrão, afirma o órgão regulador

De São Paulo, SP.


.... aconteceu na Holanda, mas será que o resultado teria sido diferente aqui no Brasil? Se por um lado não há como afirmar, por outro, não há como negar já que seguros/previdência complementar são vendidos em bancos como se fossem um produto financeiro qualquer. Além disso, inexiste no país um estudo semelhante do trabalho desses profissionais!

O órgão Holandês que fiscaliza a comunicação dos prestadores de serviços financeiros com os consumidores, Financial Markets Authority (AFM), afirmou que é preciso aumentar as exigência de expertise dos profissionais das seguradoras que comercializam planos de previdência complementar.

A razão: a qualidade da orientação aos consumidores é baixa.

Apenas 25% das orientações fornecidas às empresas de pequeno e médio portes foram consideradas de nível aceitável, conforme descobriu a AFM durante uma investigação sobre a qualidade desse tipo de orientação. 

sábado, 3 de abril de 2010

A profissão de Atuário sob escrutínio


De São José dos Campos, SP.

Há um certo consenso de que actuarius eram escribas responsáveis pela redação das atas que descreviam as sessões do Senado na Roma antiga. Tinham que ser rápidos, por isso usavam sinais no meio da linguagem escrita, para conseguir registrar os debates e discussões em andamento.



Posteriormente, os escreventes que registravam os nascimentos e óbitos também passaram a ser denominados de atuários. A profissão evoluiu na medida em que os registros de morte começaram a ser estudados de forma organizada no século XVII, por pesquisadores que lançaram mão da matemática e da estatística visando melhor compreender as dinâmicas das populações.


Pelo que consta, o cargo de atuário foi criado pela primeira vez em 1775 em Londres, na seguradora “Equitable Life”.


Por ironia do destino, foi exatamente a quebra da Equitable Life que levou o governo do Reino Unido a patrocinar um extenso estudo sobre as razões que levaram a seguradora de vida em grupo mais antiga do mundo a fechar, no ano 2000.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cuidados na Portabilidade

Hora no Mundo?

--------------------------------------------------------------------------

Direitos autorais das informações deste blog

Licença Creative Commons
A obra Blog do Eder de Eder Carvalhaes da Costa e Silva foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em nkl2.blogspot.com.
Podem estar disponíveis permissões adicionais ao âmbito desta licença em http://nkl2.blogspot.com/.

Autorizações

As informações publicadas nesse blog estão acessíveis a qualquer usuário, mas não podem ser copiadas, baixadas ou reutilizadas para uso comercial. O uso, reprodução, modificação, distribuição, transmissão, exibição ou mera referência às informações aqui apresentadas para uso não-comercial, porém, sem a devida remissão à fonte e ao autor são proibidos e sujeitas as penalidades legais cabíveis. Autorizações para distribuição dessas informações poderão ser obtidas através de mensagem enviada para "eder@nkl2.com.br".



Código de Conduta

Com relação aos artigos (posts) do blog:
1. O espaço do blog é um espaço aberto a diálogos honestos
2. Artigos poderão ser corrigidos e a correção será marcada de maneira explícita
3. Não se discutirão finanças empresariais, segredos industriais, condições contratuais com parceiros, clientes ou fornecedores
4. Toda informação proveniente de terceiros será fornecida sem infração de direitos autorais e citando as fontes
5. Artigos e respostas deverão ser escritos de maneira respeitosa e cordial

Com relação aos comentários:
1. Comentários serão revisados depois de publicados - moderação a posteriori - no mais curto prazo possível
2. Conflitos de interese devem ser explicitados
3. Comentários devem ser escritos de maneira respeitosa e cordial. Não serão aceitos comentários que sejam spam, não apropriados ao contexto da dicussão, difamatórios, obscenos ou com qualquer violação dos termos de uso do blog
4. Críticas construtivas são bem vindas.




KISSMETRICS

 
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.