quarta-feira, 17 de março de 2010

Pesquisa sugere que as contribuições para os planos CD da União Européia precisam aumentar

Da Europa.
Aproximadamente um em cada quatro trabalhadores na União Européia são membros de um plano de contribuição definida (CD). Não obstante, ainda é necessário um esforço sério para aumentar as contribuições, conforme indica uma pesquisa feita pela “European Federation for Retirement Provision –EFRP”.
O estudo, o primeiro do gênero, foi feito em 21 países e envolveu 42 programas diferentes com cerca de 58 milhões de participantes e um patrimônio total de €1,3 trilhões. Abordou elementos chave dos planos CD como governança, contribuições, nível de participação, opções de investimentos, taxas de administração e gestão dos investimentos e pagamento dos benefícios, dentre outros.

Em particular, a pesquisa mostrou que os planos CD com maior patrimônio estão no Reino Unido, Dinamarca, Itália e Suíça. Enquanto isso, Polônia, Suécia, Romênia, Dinamarca, Itália, Hungria e França são os países onde os planos CD contam com maior quantidade de participantes.
Encorajar o aumento das contribuições mostrou-se crucial, pois o resultado da pesquisa sugere que apenas cinco planos – em Guernsey, Chipre, Dinamarca, Irlanda e Islândia – possuem contribuições equivalentes a mais de 10% do salário, variando entre 1% e 15%.
Apesar do elevado patrimônio total dos planos pesquisados, a distribuição dos ativos é desigual, apontou Joanne Segars – Executiva Chefe no Reino Unido da “National Association of Pensions Funds (NAPF)”, uma espécie de ABRAPP inglesa, ao apresentar os resultados do estudo em Bruxelas.
Muitos países da Zona do Euro ainda proporcionam benefícios generosos através da previdência social, tornando complexo o desafio para previdência complementar.
Outro ponto importante mostrado pela pesquisa foi a grande disparidade na quantidade de planos que oferecem e que não oferecem alternativas de investimento para escolha pelo participante.
Pelo menos 41% dos planos pesquisados ainda não permite ao participante escolher a maneira de investir suas contribuições. Por outro lado, dentre aqueles que permitem ao menos 60% colocam duas ou mais opções de fundos de investimento a disposição do participante.
A pesquisa sugere que aproximadamente 80% dos participantes permanecem no fundo default. Esse resultado reforça o comentário feito em um post aqui do blog, que indica os fundos do tipo “ciclo de vida” (life cicle) como a alternativa default ideal nos casos em que o participante não manifesta sua opção por nenhum dos fundos de investimento a sua disposição.
Alguma garantia de retorno dos investimentos é oferecida em 20% dos planos onde há opções de investimento a disposição do participante. Esse percentual é muito maior nos planos sem alternativa de escolha pelo participante, 81% dos quais oferecem algum tipo de retorno garantido.
Cópia da pesquisa pode ser obtida no website da EFRP: www.efrp.eu
Não tenho a menor dúvida de que muitos dos resultados da pesquisa da EFRP seriam verificados também nos planos CD aqui no Brasil. Você também acha? Mande seu comentário.

Forte abraço,
Eder.

Fonte: IPE – Julie Henderson

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cuidados na Portabilidade

Hora no Mundo?

--------------------------------------------------------------------------

Direitos autorais das informações deste blog

Licença Creative Commons
A obra Blog do Eder de Eder Carvalhaes da Costa e Silva foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em nkl2.blogspot.com.
Podem estar disponíveis permissões adicionais ao âmbito desta licença em http://nkl2.blogspot.com/.

Autorizações

As informações publicadas nesse blog estão acessíveis a qualquer usuário, mas não podem ser copiadas, baixadas ou reutilizadas para uso comercial. O uso, reprodução, modificação, distribuição, transmissão, exibição ou mera referência às informações aqui apresentadas para uso não-comercial, porém, sem a devida remissão à fonte e ao autor são proibidos e sujeitas as penalidades legais cabíveis. Autorizações para distribuição dessas informações poderão ser obtidas através de mensagem enviada para "eder@nkl2.com.br".



Código de Conduta

Com relação aos artigos (posts) do blog:
1. O espaço do blog é um espaço aberto a diálogos honestos
2. Artigos poderão ser corrigidos e a correção será marcada de maneira explícita
3. Não se discutirão finanças empresariais, segredos industriais, condições contratuais com parceiros, clientes ou fornecedores
4. Toda informação proveniente de terceiros será fornecida sem infração de direitos autorais e citando as fontes
5. Artigos e respostas deverão ser escritos de maneira respeitosa e cordial

Com relação aos comentários:
1. Comentários serão revisados depois de publicados - moderação a posteriori - no mais curto prazo possível
2. Conflitos de interese devem ser explicitados
3. Comentários devem ser escritos de maneira respeitosa e cordial. Não serão aceitos comentários que sejam spam, não apropriados ao contexto da dicussão, difamatórios, obscenos ou com qualquer violação dos termos de uso do blog
4. Críticas construtivas são bem vindas.




KISSMETRICS

 
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.